Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Advogadas denunciam violação de prerrogativas

Publicado

em

Por

O  presidente da OAB/Amazonas, Fábio Mendonça, recebeu  as advogadas que no exercício da   profissão tiveram, segundo informaram,  suas prerrogativas cerceadas.  Lucianne Ewerton, Ana Esmelinda Melo e Goreth Terças  estariam sendo submetidas constrangimentos por autoridade policial.   "Toda vez que um advogado é desrespeitado toda a sociedade é afrontada", disse o presidente da OAB".


As advogadas estavam acompanhadas do presidente da Associação dos Advogados Criminalistas do Estado do Amazonas, Christhian Naranjo, e do Presidente da Comissão de Defesa das Prerrogativas da OAB/AM, Fabio Gouvêa.

O  grupo entregou ao presidente  uma petição juntamente com um abaixo-assinado,  com aproximadamente 60 assinaturas de outros colegas, que revelaram  indignação com   acontecimentos recentes "que findaram por agredir toda a classe de advogados".

"No caso das ofensas que originaram este abaixo assinado, registre-se que os colegas sofreram constrangimento que atingiu não só a sua pessoa, mas a todos os advogados e a própria sociedade, devendo receber a autoridade causadora o nosso mais veemente repúdio, para que fique claro que não nos amedrontaremos com tais ataques", disse  o presidente da OAB/AM. O presidente Fabio Mendonça disse ainda que "toda vez que um advogado é desrespeitado toda a sociedade é afrontada".

O presidente complementou que medidas já foram tomadas em favor dos advogados ofendidos no exercício da profissão, violados em suas prerrogativas, e que logo toda a sociedade verá a resposta da classe.


  Com informações da OAB/ am

NULL

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.