Ditador do Turcomenistão planeja 'apagar' fogo do 'Portal do Inferno'

Por Portal do Holanda

10/01/2022 14h56 — em Bizarro

Foto: Reprodução/Youtube

O Portal do Inferno é um curioso ponto turístico do Turcomenistão e está na mira do ditador do país, Gurbanguly Berdymukhamedov que planeja apagar o fogo do local. As chamas estão ativas há 50 anos na cratera de Darvaza.

Em 1971, pesquisadores da União Soviética perfuraram o local em busca de petróleo, mas acabaram encontrando uma reserva de gás. Uma cratera de 70 metros de diâmetro e 20 de profundidade se abriu liberando gases que levaram à morte de pessoas. A solução adotada foi a queima dos gases. Porém, se esperava que os gases acabassem em pouco tempo, mas as chamas já duram 50 anos.

O presidente solicitou que funcionários do governo encontrem uma solução para o fim das chamas. "Estamos perdendo recursos naturais valiosos, pelos quais poderíamos obter lucros significativos e usá-los para melhorar o bem-estar de nosso povo”, disse o presidente em declarações na televisão, de acordo com a BBC.

Gurbanguly tem protagonizado polêmicas ao implementar medidas como a proibição de seus compatriotas em dizer a palavra "coronavírus".


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Bizarro