Siga o Portal do Holanda

Agenda Cultural

Festival Amazonas Jazz abre inscrições gratuitas para palestras, masterclasses e workshops

Publicado

em

Foto: Michael Dantas / Divulgação Foto: Michael Dantas / Divulgação
Foto: Michael Dantas / Divulgação

Manaus/AM - Nesta segunda-feira (20/01), começam as inscrições para a programação acadêmica do Festival Amazonas Jazz, que ocorre de 21 a 29 de março, em Manaus. O evento realizado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, oferecerá gratuitamente mais de 20 opções de palestras, masterclasses e workshops, envolvendo diversos segmentos profissionais da arte e da cultura.

As atividades pedagógicas têm vagas limitadas, e os interessados podem se inscrever por meio do site festivalamazonasjazz.com.br.

“A programação acadêmica do Amazonas Jazz é uma ferramenta que possibilita a aproximação entre diversos setores da cultura e a conexão entre artistas com experiências diversas. Além de grandes nomes do cenário internacional, teremos entre os palestrantes profissionais do Amazonas que estão se destacando com pesquisas e projetos focados nas manifestações culturais amazônicas, estabelecendo pontes importantes para a valorização de nossas expressões artísticas”, destaca o secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz.

Um dos destaques é a palestra da cantora, compositora e pesquisadora amazonense Karine Aguiar, que discutirá a relação entre música, cultura e meio ambiente. Com o tema “Ecomusicologia”, a palestra exibirá um panorama das pesquisas sobre a diversidade cultural amazônica desenvolvidas pela artista, que é mestre em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia e doutoranda em Ecomusicologia na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp-SP).

Além da palestra, Karine levará o projeto “Jungle Jazz” para o Teatro Amazonas, como parte da programação musical do festival. Criado em parceria com o músico e pesquisador Ygor Saunier, o projeto enfatiza os encontros sonoros entre clássicos do jazz e as cantigas, e batuques de manifestações musicais da Amazônia, como o Boi-Bumbá de Parintins, Gambá de Maués, Marabaixo, entre outras.

Também com foco nas sonoridades regionais, o baterista Airton Silva, que integra a Amazonas Band e a Orquestra de Beiradão do Amazonas (OBA), ministrará um workshop sobre ritmos do Norte do Brasil aplicados à bateria, do beiradão ao marabaixo.  Silva já atuou com grandes nomes do cenário jazzístico internacional, como Dave Liebman, Bob Mintzer e John Fedchock, além ser ativo no campo educacional, lecionando no Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro (Laocs).

Ainda entre os representantes locais na programação, está a mestre em Artes Cênicas, Fernanda Mattos de Souza, que fará um workshop sobre  iluminação cênica como instrumento de valorização visual. A amazonense apresentará uma análise estética e técnica acerca do espetáculo de abertura do Festival Amazonas Jazz, “Ritos de Passagem”, sob o ponto de vista da iluminação cênica, abordando a função da iluminação e do iluminador em espetáculos musicais, shows e eventos que envolvam música ao vivo em geral.

Outros temas inclusos na programação são Improvisação e Pedagogia Musical, Jazz: Crítica e Jornalismo, Percussão Brasileira, Economia Criativa, Bateria Brasileira no Jazz, O Corpo a Serviço da Subjetividade, Tipo Hands On: Rap e Jazz, Pandeiro Jazz, Saxofone e Improvisação, O Beiradão, A Experiência CLAM, Free Jazz, Jazz Trombone, Hands On – Latin Jazz, Guitarra, Trompete e Captação de Áudio para Transmissões Audiovisuais e em Streaming.

As atividades serão realizadas no Centro Cultural Palácio da Justiça, localizado na avenida Eduardo Ribeiro, 901, Centro; no Teatro da Instalação, localizado na rua Frei José dos Inocentes, no Centro; e na Escola Superior de Artes e Turismo da Universidade do Estado do Amazonas (Esat/UEA), na avenida Leonardo Malcher, 1.728, Praça 14 de Janeiro.

O festival – O 10º Festival Amazonas Jazz promoverá mais de 15 espetáculos no Teatro Amazonas, com grandes nomes da música instrumental brasileira e internacional.

Além disso, movimentará a cena cultural da cidade com shows aos fins de tarde em flutuante, exibição de filmes e exposição fotográfica na Casa do Jazz, e um roteiro de apresentações musicais em bares e restaurantes.

Os ingressos para os concertos já estão à venda na bilheteria do teatro e no site Bilheteria Digital (bilheteriadigital.com) por valores que variam de R$ 20 a R$ 80.

 

Bolsonaro, o capitão que não sabe comandar

Já leu estas ?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.