Curso para Defensoras Populares é aberto em Manaus e interior do Estado

Por Portal do Holanda

22/09/2021 16h12 — em Agenda Cultural

Foto: Reprodução

Com o objetivo de capacitar, em educação, em direitos da mulher e direitos humanos, mulheres que se destacam como lideranças populares, principalmente aquelas que lidam com a população em situação de vulnerabilidade, a Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) abriu inscrições para a primeira edição do curso Defensoras Populares. 

As inscrições ocorrerão de 21 de setembro a 4 de outubro, por meio do link https://defensoriaam.com/esudpam/cursos/defensoras-populares/. Basta acessar o banner do curso Defensoras Populares e preencher a ficha de inscrição com as informações solicitadas. O curso é gratuito e as aulas ocorrerão em formato telepresencial e on-line para Manaus e interior, com transmissão por meio do Centro de Mídias da Educação do Amazonas (Cemeam), a partir do dia 28 de setembro.

As interessadas devem inscrever-se de acordo com o município de onde se quer assistir às aulas tanto na capital quanto no interior do Estado. Nos municípios do interior, as aulas em formato telepresencial serão transmitidas para escolas informadas na página do curso no site da Defensoria, no mesmo link da inscrição.

Manaus

Na capital, serão disponibilizadas 70 vagas para a transmissão telepresencial no auditório da sede da Defensoria, na avenida André Araújo, Aleixo, zona centro-sul, para quem optar por assistir as aulas dessa forma. As demais participantes que optarem pela inscrição na modalidade on-line poderão assistir às aulas gravadas por meio da plataforma Coursify.

O curso terá início no dia 28 de setembro e seguirá até 14 de dezembro. Serão 10 aulas, às terças-feiras e terão duração de duas horas, das 16h40 às 18h30. A carga horária será de 20 horas.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Agenda Cultural