Siga o Portal do Holanda

Manaus

Omar Aziz anuncia Ronda no Bairro na zona Centro-Oeste

Publicado

em

Por

O governador do Amazonas, Omar Aziz, anunciou que na próxima sexta-feira, 31 de agosto, o Ronda no Bairro começa a operar na zona centro-oeste de Manaus, a quarta zona da cidade a receber o programa de segurança do Estado. O anúncio foi feito durante participação do governador, nesta quarta-feira (29), no II Seminário Internacional de Segurança da Amazônia (II Sisam), que acontece no Tropical Hotel, na Ponta Negra, zona oeste.  Omar Aziz adiantou que discute parceria com ONG colombiana para implantar projeto que reduziu a criminalidade em Bogotá, capital da Colômbia, e que poderá ser adotado após a implantação do Ronda no Bairro em toda a capital.

O II Sisam, realizado pela Associação de Delegados de Polícia do Amazonas (Adepol-AM) até o dia 31 de agosto, e tem a presença de ex-prefeitos de países amazônicos, secretários de segurança pública, delegados, militares e estudiosos. Os debates têm como tema central a “Segurança para uma Amazônia Sustentável”.

“Conforme o nosso compromisso, avançaremos com o Ronda no Bairro agora na zona centro-oeste. Já estamos nas zonas norte, leste e centro-sul e agora vamos para a centro-oeste. O próximo passo são as zonas oeste e sul, cobrindo assim todas as áreas da cidade de Manaus. Temos reduzido os crimes substancialmente e a polícia tem atuado bastante dando respostas à sociedade”, disse o governador ao destacar a aprovação do programa por parte da população. “Esse esforço e essa vontade de querer acertar é grande, e fico feliz com demonstrações da população como neste final de semana, quando eu, caminhando pela zonas norte e leste, vi que as pessoas acreditam muito no programa”, frisou.

Omar Aziz se reuniu, pouco antes de abrir o II Sisam, com o ex-prefeito de Bogotá, Arelijus Rutenis Antanas Mockus Sivickas, que é mestre em filosofia e preside a ONG Corpovisionarios, para discutir parceria visando a implantação de projeto conduzido pela organização que tem reduzido a criminalidade em Bogotá. De acordo com dados da ONG, de 1993 até 2012, o projeto reduziu o índice de homicídios de 83 para 22 mortos em cada 100 mil habitantes. De acordo com o governador, o projeto é embasado em estudos e pesquisas e tem como estratégia principal o envolvimento da sociedade em programas sociais que ajudam a combater a criminalidade.

De acordo com o governador, o projeto da Corpovisionarios poderá ser aplicado em Manaus como ação complementar ao Ronda no Bairro, a partir da reunião e articulação de projetos sociais do Governo do Estado voltados à prevenção contra a criminalidade e violência. Omar Aziz adiantou que voltará a reunir-se com representantes da ONG no próximo dia 12 de setembro em Manaus.

Ao destacar a importância do Sisam, o governador Omar Aziz afirmou que parcerias como a que está sendo estudada com a Colômbia podem contribuir para reduzir a criminalidade e definir ações de enfrentamento principalmente do tráfico de drogas e armas nas fronteiras. “Temos nossos problemas. Manaus é uma cidade com mais de 2 milhões de habitantes, o Estado tem mais 1,5 milhão de quilômetros quadrados, com mais de 8 mil quilômetros de fronteiras desguarnecidas, tudo reflete na sociedade, e segurança é um problema diário, você tem que mostrar eficiência e não podemos descuidar um minuto. Mas estou feliz que os resultados (do Ronda no Bairro) estão aparecendo e que, com esse seminário (Sisam, possamos trocar ideias com países vizinhos, principalmente em relação ao tráfico de drogas e armas”, pontuou.

Proama – Em entrevista durante participação no seminário, o governador Omar Aziz adiantou que o Governo do Estado vai instalar torneiras nos reservatórios construídos por meio do Programa Água para Manaus (Proama) para que a população possa ter acesso à agua produzia no complexo. O Proama conta com cinco reservatórios nos bairros Mutirão e Núcleo 23 da Cidade Nova (ambos na zona norte) e Tancredo Neves, Nova Floresta e Jorge Teixeira, na zona leste.

O primeiro reservatório que deverá receber as torneiras será o do bairro Nova Floresta. De acordo com o governador, ele decidiu pela medida atendendo apelo da população. As torneiras serão mantidas, com acesso gratuito pela população, até que a Prefeitura de Manaus e a empresa Manaus Ambiental resolvam a questão da distribuição da água do complexo.

NULL

+ Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.