Ferida em explosão em Manaus recusa ida ao hospital com medo de Covid-19

Por Portal do Holanda

25/02/2021 14h44 — em Manaus

Vítima recusou atendimento por medo da Covid-19 - Divulgação Corpo de Bombeiro do Amazonas

Manaus/AM - Uma das seis vítimas da explosão do condomínio Verona Premium, que mesmo machucada preferiu não receber atendimento em uma unidade de saúde, contou nesta quinta-feira (25)  a uma emissora local como foi a explosão que ocorreu na noite de quarta-feira (24).

A mulher que está bastante machucada em uma das pernas, no braço e na rosto, disse que estava em seu apartamento, no andar de cima do bloco, quando sentiu um forte de cheiro de gás. "Uma pessoa do próprio condomínio tocou a minha campainha, para perguntar se era do meu apartamento que estava vindo o cheiro de gás. Mas não era, porque o meu gás estava fechado. Ai ele foi nos outros apartamentos e avisou que ia desligar geral", disse.

Conforme a vítima, a explosão teria acontecido no apartamento do vizinho do andar de baixo, que trabalhava com a venda de sanduíches. "O vizinho do andar de baixo trabalha com a venda de sanduíches, tinha acabado de acordar e foi ligar o gás quando aconteceu a explosão", relatou.

Segundo a mulher, no momento da explosão ela estava deitada no quarto quando a casa dela desabou. "Eu só lembro do barulho da explosão e eu saindo dos escombros", relembrou.

A vítima denunciou que o condomínio nunca passou por vistoria após ser entregue e que mesmo os apartamentos receberem gás encanado, alguns moradores optam por colocar botijas de gás dentro de casa. "Tem pessoas que usam botija de gás mesmo tendo o gás do próprio condomínio. Isso é mais perigoso ainda, fora a borracha de plástico que não deve ser usada e sim a de ferro", alertou.

A mulher disse ainda, que recusou atendimento em uma unidade de saúde por medo de pegar Covid-19. Ela foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) dentro da casa de uma cunhada. Ela perdeu tudo na explosão e agora aguarda a seguradora do condomínio.

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus