Giselle Itié revela que foi assediada e amordaçada por diretor

Por Portal do Holanda

04/12/2020 22h02 — em Famosos & TV

Atriz tinha 23 anos na época. Foto: Reprodução/Instagram

 Giselle Itié fez um desabafo chocante nesta sexta-feira (4) ao prestar solidariedade a Dani Calabresa no caso em que a atriz acusa Marcius Melhem de assédio sexual. No texto, Itiê relata que também foi abusada por um diretor de novela, apesar de ter optado por não denunciar o caso, ao contrário do que fez Dani.  

"A denúncia da Piauí e de João Batista Jr. [jornalista] corroeu minhas entranhas. 23 anos de idade. Minha primeira protagonista. Fui severamente assediada e amordaçada pelo diretor da novela. Até hoje sinto a dor de uma vítima silenciada", desabafou. 

Mas, apesar de não falar nomes, a atriz revelou que o caso aconteceu quando tinha 23 anos. Na época, ela interpretava Júlia Magnani na novela "Começar de Novo" (2004), na Globo, uma jovem atriz que se envolvia com Andrei (Marcos Paulo, que morreu em 2012).

Segundo o site Notícias da TV, a novela teve direção de Marcelo Travesso, Gustavo Fernandes, Edson Spinello e Paulo Silvestrini, e na direção-geral estavam Luís Henrique Rios e Carlos Araújo. Marcos Paulo, além de autar, era responsável pela direção de núcleo. Ao site, Giselle não confirmou se os fatos ocorreram durante a novela "Começar de Novo", e disse que não falará sobre o assunto.


+ Famosos & TV