Caso Robinho: Segundo patrocinador ameaça romper com o Santos

Por Portal do Holanda

16/10/2020 16h20 — em Esportes

O jogador e mais um amigo foram condenados a nove anos de prisão - Foto: Ivan Storti/Santos FC

Após a empresa Orthopride romper com o Santos, a Philco, uma das patrocinadoras do clube, também se manifestou contrária à permanência de Robinho e ameaçou deixar a parceria com o time.

Os patrocinadores do alvinegro praiano estão sendo fortemente pressionados pelos torcedores e internautas após vir à tona detalhes da participação do jogador no crime de violência sexual contra uma mulher albanesa. Ele e mais um amigo foram condenados a nove anos de prisão. 

Em suas redes sociais, a empresa divulgou uma nota explicando a decisão, caso a contratação com jogador não seja rescindida. 

Leia a nota na íntegra 

A Philco vem a público informar que já encaminhou nota ao Santos Futebol Clube. E manifesta que repudia veementemente a contratação do atleta Robinho, após a constatação dos fatos.⠀

Sempre mantivemos forte parceria com o time e seus torcedores, porém neste momento exigimos a rescisão imediata com o atleta.

Caso contrário, a Philco irá revogar o contrato, pois a situação não compactua com os valores da marca. NENHUM ATO DE VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER DEVE SER TOLERADO. 

 

+ Esportes