Bastidores da Política - Pandemia é aliada da corrupção e deve  ficar ativa mesmo pós-vacina


Pandemia é aliada da corrupção e deve ficar ativa mesmo pós-vacina

Por RAIMUNDO DE HOLANDA

19/12/2020 22h57 — em Bastidores da Política

O ano está terminando e a gente contando os mortos, procurando os amigos sobreviventes dessa grande tragédia que parece não ter fim. Não sabemos se vamos estar aqui para contar aos nossos netos a historia desses dias, de um fim de ano atípico, sem comemorações, sem abraços, sem aperto de mãos, sem beijos na boca.

Pelos amigos que estavam do nosso lado e que partiram de repente, fica difícil prever onde estaremos daqui a um mês ou um ano.

Mas certamente o mundo nunca mais será o mesmo. Nem nós. A máscara veio para ficar e cabe bem em nossos rostos. No fundo, revela o que já éramos, mascarados. Ajuda a esconder o que os lábios revelavam. Aquele sorriso cínico que dizia tanto de nossa personalidade, desapareceu. No fundo essa pandemia, que mata, também ajuda a esconder o nosso veneno e é aliada de politico corrupto.

Quando a vacina chegar muitos dos nosso amigos - e talvez nós mesmos - tenham desaparecido.

OBS:Nos últimos sete dias - de sábado da semana passada para este sábado  49 pessoas foram enterradas  em Manaus vítimas de Covid. Número assustador....

Raimundo de Holanda é jornalista de Manaus. Passou pelo "O Jornal", "Jornal do Commercio", "A Notícia", "O Estado do Amazonas" e outros veículos de comunicação do Amazonas. Foi correspondente substituto do "Jornal do Brasil" em meados dos anos 80. Atualmente escreve a coluna Bastidores no Portal que leva seu nome.