Siga o Portal do Holanda

Devolvam o dinheiro. Ele pertence ao povo do Amazonas

Publicado

em

O governo do Amazonas agiu de forma aloprada e autoritária. Desafiar o Legislativo agora apenas expõe um excesso  de prepotência que precisa ser contido.

O vice - governador Carlos Almeida resolveu partir para o confronto direto com o presidente da Assembléia Legislativa, Josué Neto, que defende a devolução do dinheiro pago aos 140 servidores que tiveram reajuste de mais de 250% após a edição de Lei Delegada. Carlos disse que o dinheiro creditado na conta dos servidores não será devolvido, uma vez que, segundo ele, tem base no ato normativo submetido  e  aprovado pelo Poder Legislativo.

Carlos pode ter razão em suposto vacilo dos deputados, mas a essência da lei e sua necessidade foi otimizar o uso de recursos, reduzir secretarias, cortar cargos e vencimentos.

Reajustar os salários de um pequeno número de servidores a níveis estratosféricos não foi apenas imoral - quebrou a confiança entre o Executivo e o Legislativo, essencial para manter intacto o sistema de freios e contrapesos fundamental  para a harmonia entre os dois poderes.

O Executivo agiu de forma aloprada e autoritária. Desafiar o Legislativo agora apenas expõe um excesso de prepotência que precisa ser contido.

A medida saneadora que todos esperam será  revogar não apenas o reajuste - como aliás já fez o governo - mas “deletar”a própria Lei Delegada, usada para contemplar interesses de um pequeno grupo de servidores. E, provavelmente,  outras coisas sobre as quais não se tem, ainda, conhecimento.


+ BASTIDORES DA POLÍTICA

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.