Compartilhe este texto

Tiago Abravanel defende que reality não precisa de brigas para ser legal

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

24/01/2022 8h03 — em
Arte e Cultura



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Tiago Abravanel, 34, compartilhou a sua perspectiva sobre a edição do Big Brother Brasil 22 (Globo) para os colegas de confinamento na madrugada desta segunda (24), após a formação do primeiro paradão do programa.

O ator disse não entender porque é visto como ruim o fato de todos os participantes estarem se dando bem, até o momento sem grandes conflitos e brigas. "Por quê esse jogo precisa ser um inferno para ser interessante?", afirmou.

"Talvez a temática dessa edição seja a autoaceitação", rebateu Eliezer. Abravanel completou seu pensamento dizendo que ano é diferente, e não vê problemas nisso. "Não significa que vai ser paz e amor aqui e dentro, mas respeitar é o básico. Por quê não pode viver de maneira justa, legal e se respeitar?", indagou.

"A gente pode fazer o BBB do amor, estamos na era da revolução do amor", propôs Eliezer. "Talvez a gente esteja contando outra história do que as pessoas esperam que seja o Big Brother, de todo mundo se matando", completou Abravanel, que também deu a ideia de boicotar o jogo da discórdia que acontece nesta segunda.

No quarto Lollipop, Bárbara compartilhou uma visão totalmente diferente. A sister disse que está no programa para jogo e não criar amizades. "Vocês vão me desculpar, mas isso aqui é um jogo. Vou priorizar jogar aqui dentro. Eu vim pra brigar por 1.5m. Lidem com isso vocês também. Isso aqui não é BBB 19 não", afirmou.

Na internet, os telespectadores reclamam sobre o clima de amizade entre os brothers. Os internautas também apontam que "falta entretenimento" no programa, e criticam a escolha do elenco, principalmente dos participantes do Pipoca.

"Tiago Abravanel infiltrado do SBT para acabar com a maior fonte de audiência da Globo", disse uma página do Twitter. "Não quero BBB do amor quero briga por causa de feijão na xepa", escreveu outro. "Tiago abravanel quer acabar com o jogo da discórdia, destruir o BBB e a Globo pra depois o Silvio Santos comprar por míseros 50 reais".


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Arte e Cultura

+ Arte e Cultura