OAB-AM solicita plano de retorno das atividades presenciais da Justiça

Por Portal do Holanda

25/02/2021 13h27 — em Amazonas

Entidade pretende participar da elaboração das medidas. Foto: Divulgação/OAB-AM

Manaus/AM - A presidente da Ordem dos Advogados do Brasil do Amazonas (OAB-AM), Grace Benayon, enviou nesta semana ofício aos presidentes dos Tribunais de Justiça do Amazonas (TJ/AM), ao Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região (TRT11) e ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) solicitando a apresentação de um Plano de Retomada das atividades jurisdicionais presenciais para 2021.

No Amazonas, os trabalhos presenciais da Justiça foram suspensos no ano passado em decorrência do avanço da Covid-19. As audiências passaram a ser realizadas de forma on-line. A Ordem avalia que a medida foi necessária naquele momento, mas não assegurou a celeridade necessária à tramitação e execução das causas, já que somente as audiências de conciliação estão ocorrendo remotamente.

“A adoção da realização das audiências on-line foi uma medida importante em decorrência da necessidade do isolamento social em que se tinha que preservar a saúde de todos. O que estamos requerendo agora é a adoção de um Plano de Retomada porque a Justiça não se resume às audiências de conciliação. A advocacia foi brutalmente atingida com tudo isso e consequentemente a sociedade que busca solução de seus problemas por meio da Justiça. Nós queremos saber como se dará essa retomada, pois estamos no escuro”, afirmou Grace.

Além de cobrar um Plano de Retomada para 2021, a OAB Amazonas requer ainda a possibilidade de participar da elaboração das medidas, contribuindo com sugestões a partir da visão da advocacia.

Grace justifica essa iniciativa pela necessidade de que a OAB terá para preparar a advocacia amazonense para o retorno das atividades administrativas e jurisdicionais. Atualmente, a 16 mil advogados estão inscritos na seccional Amazonas da Ordem.
 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas