Governo abre edital do programa "Mais Médicos" para atender interior do AM

Por Portal do Holanda

23/01/2021 0h13 — em Amazonas

Foto: Divulgação

Manaus/AM - O Ministério da Saúde (MS) vai abrir, na próxima segunda-feira (25), edital do programa “Mais Médicos para o Brasil”, para suprir a demanda de profissionais da saúde nos municípios do interior do Amazonas, com prazo de inscrição de dois dias.

O anúncio foi feito pelo secretário de Atenção Primária do MS, Raphael Parente, nesta sexta-feira (22), durante reunião com prefeitos, representantes de prefeituras do interior, além do secretário executivo adjunto de Atenção ao Interior da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), Cássio Espírito Santo.

As equipes do Ministério da Saúde estão no Amazonas há 20 dias, somando esforços em diversas frentes de atuação, no enfrentamento da pandemia. “Nós detectamos que a principal deficiência, principalmente neste momento de pandemia que está vindo de forma mais acelerada, é a falta de médicos. Então, imediatamente pedimos a abertura de um edital de chamamento de médicos”, ressaltou Raphael Parente, secretário de Atenção Primária do MS.

O Ministério priorizou a abertura do edital para Manaus, realizada no último dia 19.

“A gente desafogando a capital, conseguimos trazer pacientes que, por ventura, venham a ter no interior. Então abrimos e o prefeito (de Manaus) pediu 108 médicos. Fizemos exatamente o quantitativo que o prefeito pediu. Desses 108 se inscreveram 153 médicos, a nossa ideia é que na sexta-feira, dia 29, eles já estejam em campo. E na segunda-feira já está prevista a abertura do edital para o interior. Vamos abrir com o quantitativo que cada município pediu para que também o Ministério da Saúde possa atuar no interior do Amazonas”, afirmou Parente.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas