Compartilhe este texto

Intenção da neta sempre foi matar sargento da PM durante o roubo, diz delegada

Por Portal do Holanda

27/01/2022 12h06 — em
Policial


Thaissa não queria correr risco de ser descoberta - Foto: Reprodução/Redes Sociais

Manaus/AM - O caso da morte do sargento da reserva da Polícia Militar, Evandro da Silva Ramos, continua ganhando desdobramentos.

Em coletiva de imprensa realizada na manhã de hoje (27), a delegada geral da Polícia Civil, Emília Ferraz, disse que a intenção de Thayssa Ramos, neta do PM, nunca foi apenas roubar o dinheiro dele, mas executá-lo.

“Eles argumentam na defesa que o objetivo era roubo do dinheiro, mas os executores já chegaram lá dentro atirando na vítima. Então, nisso cai por terra a hipótese: Ah nós vamos assaltar. Na verdade houve uma execução premeditada. E a ideia que se deduz de tudo isso é que eles ao planejarem ficaram com medo de chegarem nos autores e já cuidaram de executar a possível pessoa que os identificaria”, explica Emília.

O delegado Ricardo Cunha também ressaltou a frieza de Thaissa e diz que a jovem não demonstrou nenhum tipo de arrependimento durante o depoimento.

“Ela não participou do velório, do enterro, ela é uma pessoa muito fria, não demonstrou qualquer tipo de arrependimento quando passou por interrogatório. Ela é uma pessoa muito dissimulada apesar de ser muito jovem”, ressalta Ricardo.

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Policial

+ Policial