Siga o Portal do Holanda

Manaus

Ação Global atende 90 mil no Amazonas

Publicado

em

Por

A população de Manaus respondeu, mais uma vez em grande número, ao convite da cidadania e lotou as dependências do Clube do Trabalhador, neste sábado (05), para receber serviços gratuitos oferecidos pelo programa Ação Global, iniciativa em nível nacional do SESI em parceria com a Rede Globo. No total, 45.118 pessoas tiveram acesso a consultas médicas e odontológicas, emissão de documentos, informações sobre benefícios previdenciários, elaboração e emissão de currículos, Bolsa Família, entre outros, o que somou 90.235 atendimentos.

Como nas 17 edições anteriores do programa no Estado, os serviços de saúde foram os mais procurados pela população. Segundo a gerente de Saúde do SESI/AM, Conceição Costa, 18 médicos de várias especialidades atenderam voluntariamente a população. “Tivemos clínicos gerais, pediatras, ginecologistas, fisioterapeutas, dermatologista e ortopedista, além de fazermos encaminhamentos para consultas com mastologista e oftalmologista no próprio SESI nos dias normais de atendimento”, disse ela.

A aposentada Maria Lopes Simões, 73, moradora do bairro São José 3, foi uma das mulheres encaminhadas para fazer o preventivo e o exame de mamografia no SESISAÚDE. Maria, que foi acompanhada por uma das filhas, se consultou com a médica ginecologista Adriana Lima, voluntária do Exército. “O atendimento foi abençoado”, disse a aposentada.

A dona de casa Maria de Lourdes, 29, levou o marido, Edmar, e os cinco filhos (Yasmin, Edmar, Karina, Kauã e Kauane) para receber atendimento médico em família, na Ação Global. “Gostei muito do atendimento, foi rápido. Conseguimos consulta com pediatra, ginecologista e ainda vacinamos a turma, foi ótimo”, disse a mãe.

Entre outros serviços na área da saúde, foram disponibilizados triagem com medição de pressão arterial e peso, teste de glicemia, imunização, orientação sobre saúde bucal, além da oferta de 11 tipos de vacinas, incluindo a H1N1, aproveitando o dia nacional de vacinação contra a gripe.

Segundo a gerente de atenção básica do Distrito de Saúde Leste da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Ismar Lima dos Santos, a Ação Global é uma grande oportunidade para atender a demanda reprimida de pacientes. “Trouxemos oito clínicos, seis pediatras e montamos um posto de vacinas para beneficiar a população” disse.

A dona de casa Maria Bernardina, 57, moradora do bairro Jorge Teixeira, na zona Leste, aproveitou a oferta de medicamentos para aviar suas receitas. “Eu venho todos os anos para a Ação Global. Por aí é difícil conseguir consulta médica, aqui sou atendida sem muita demora e ainda levo os remédios para casa. É uma bênção”, disse.

Para o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), Antonio Silva, com a Ação Global o Sistema Indústria, com a ajuda de muitos parceiros, monta uma rede nacional de solidariedade acreditando que pode influir no resgate da cidadania de milhares de brasileiros socialmente excluídos.

Acompanhado do superintendente do SESI/AM, Luiz Medeiros, e outros diretores do Sistema FIEAM, Antonio Silva, se disse honrado com a visita de um dos principais parceiros do SESI/AM na Ação Global, o presidente da Rede Amazônica de Rádio e Televisão, o jornalista Phelippe Daou.

Ações de cidadania

Para muita gente, as ações de cidadania fizeram a diferença nessa 18ª edição da Ação Global, respondendo por grande parte do atendimento prestado pelas 131 organizações, entre empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM), empresas do comércio e órgãos públicos estaduais, municipais e federais que assumiram a parceria com o SESI neste ano.

A emissão de documentos foi uma das áreas mais procuradas. Carteira de Identidade, Título de Eleitor, Carteira do Trabalho e do Idoso, emissão do CPF, foram documentos muito procurados pela população.

O Tribunal Regional Eleitoral montou uma estrutura com 20 funcionários para atender uma demanda estimada em 500 pessoas. De acordo com o coordenador de Infraestrutura do TRE, Rodrigo Carvalho, as pessoas que procuraram o estande do tribunal não encontraram dificuldades para conseguir o Título de Eleitor (1ª e 2º vias), além de transferência do documento para outras cidades. Segundo Carvalho, o TRE se antecipou ao dia da Ação Global, atendendo desde o dia 23 de abril, no Clube do Trabalhador uma média de cem pessoas por dia. Ele disse que, como este ano serão realizadas eleições, a procura está sendo muito grande e que o Tribunal Eleitoral, vai estender a emissão de título de eleitor nos dias 7, 8 e 9, no prédio da própria Instituição, encerando a programação deste ano.

Arley Barroso, 18, foi um dos que conseguiram tirar o título pela primeira vez, tornando-se apto para votar nas próximas eleições, em outubro deste ano. Arley cursa o 2º ano do ensino fundamental na Escola Estadual Ernesto Penafort e reside no Novo Aleixo, zona Leste.

Empresas

A Tenace Engenharia, empresa de montagem e manutenção industrial com aproximadamente 590 empregados, participou da Ação Global com 14 voluntários, oferecendo serviços de orientação profissional para o mercado de trabalho. A coordenadora da atividade, Marisangela Alves, destacou que a Tenace encarou o desafio de não só realizar o cadastro de currículos, mas também de tornar essa iniciativa uma ação mais abrangente no alcance de promover a cidadania das pessoas que participaram do evento.

“Trouxemos uma equipe para fazer o cadastro de currículos e desenvolver dinâmicas sobre como se comportar em entrevista de trabalho, entregamos cartilhas e orientamos candidatos para alcançar melhores resultados em processo seletivo para emprego”, explicou Marisangela.

Saúde doméstica

A dona de casa e autônoma Albertina Carvalho, de 63 anos, participou da Oficina Ambiental Horta Caseira, oferecida pela Moto Honda da Amazônia durante a Ação Global. Para a cozinheira e fabricante de salgados, as noções de como fazer o plantio de hortaliças é fundamental para o resultado final dos salgados que vende na Zona Leste. A partir das informações adquiridas na oficina, Albertina pretende cultivar uma horta doméstica com os principais condimentos que utiliza na preparação de seus salgados.

A proposta da Moto Honda nesta Ação Global foi mostrar que qualquer pessoa que tem espaço livre em casa, com incidência de sol, pode cultivar temperos, ervas medicinais e aromáticas, hortaliças e legumes. De acordo com o especialista do Departamento de Gestão Ambiental da Honda, Walkimar Lima, a horta doméstica agrega benefícios para toda a família, pois os alimentos plantando em casa são livres de adubos químicos.

“Realizamos todos os anos a oficina sofre horta caseira e informamos que é fácil, rápido e benéfico ter uma plantação pequena de hortaliças e condimentos em sua residência. Vale a pena separar um local para cultivar em vasos ou jardineiras sementes como cebolinha, arruda, menta, salsa, tomate, coentro, entre outras. Com essa iniciativa, a Honda exerce mais uma vez a responsabilidade social”, declarou Walkimar.

Parceira do SESI em vários eventos, a Moto Honda participou da Ação Global com 25 voluntários e desenvolveu oficinas beneficiando cerca de 600 crianças sobre pintura, desenho, dinâmica ambiental e distribuição de revista com conteúdo ambiental, além de horta caseira.

O gerente da Coordenadoria de Meio Ambiente e Segurança no trabalho, da Honda, Renato Castrofo, destacou a importância do trabalho realizado pela empresa, ressaltando que as informações que as crianças receberam sobre sustentabilidade e meio ambiente vão possibilitar que elas desenvolvam uma nova cultura ambientalista. “Essa crianças serão os gestores da sustentabilidade no futuro”, disse.

NULL

+ Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.