China estuda relaxar controle de natalidade e restrições podem acabar até 2025

Por Estadão Conteúdo / Portal do Holanda

18/06/2021 6h27 — em Mundo

As autoridades chinesas estão traçando planos para afrouxar ainda mais as restrições à natalidade e fazer a transição para políticas que encorajem explicitamente o parto, de acordo com pessoas familiarizadas com o assunto, refletindo o aumento da urgência em Pequim à medida que o crescimento econômico desacelera e a população da China fica mais velha.

Os legisladores estão discutindo a possibilidade de acabar totalmente com todas as restrições até 2025, o fim do atual plano econômico de cinco anos do Partido Comunista Chinês, de acordo com uma das pessoas ouvidas. De acordo com essa fonte, a China provavelmente começará eliminando as restrições de natalidade nas províncias onde a taxa de natalidade é a mais baixa antes de promulgar mudanças em todo o país.

No mês passado, o presidente chinês, Xi Jinping, disse a altos funcionários do partido que considera o envelhecimento da população chinesa uma ameaça à segurança nacional, de acordo com a agência estatal de notícias Xinhua.

Especialistas demográficos e econômicos afirmam que medidas agressivas são necessárias para desacelerar a queda no número de nascimentos na China. A população do país deve cair dos atuais 1,41 bilhão para cerca de 730 milhões de pessoas até o final deste século, de acordo com projeções de uma equipe internacional de cientistas publicadas no ano passado na revista médica britânica The Lancet. Fonte: Dow Jones Newswires.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Mundo


23/07/2021

Correção