Prefeito de Manaus propõe lockdown e pede apoio do governador do Amazonas

Por Portal do Holanda

28/09/2020 15h13 — em Manaus

Prefeito quer lockdown em parceria com o governo do Estado - Foto: Reprodução/CNN

Manaus/AM - O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), convidou, nesta segunda-feira (28), o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), a decretar lockdown por ao menos duas semanas na capital do Estado. A declaração do prefeito aconteceu durante entrevista à CNN, ao analisar a situação de aumento dos casos de Covid-19 em Manaus. 

"Gostaria de decretar lockdown, mas tem que ver com o governador. É coisa para ele entrar junto. Aceito o lockdown por entender que isso pode matar de vez a ameaça de uma segunda onda, que seria catastrófica. Senão a decretação será desmoralizada por pessoas sem máscara ou que vão simplesmente sair na rua. É preciso cobertura policial para chegar a essa medida", disse o prefeito à CNN. 

Na entrevista, Arthur também afirmou que não acredita em segunda onda da Covid-19 em Manaus, mas frisou que o número de sepultamentos aumentou e disse que suspeita de uma subestimação da Covid-19.

"Há 48 casos e dizem que tem dois de Covid-19. Não é verdade. Doença respiratória grave é Covid-19, pneumonia ou coloquem o nome que for... é Covid-19. E temos que não esconder esses números, porque daqui a pouco precisamos de ajuda, nacional ou internacional, para sair de uma eventual segunda onda e ninguém acredita", comentou Arthur. 

+ Manaus