Braga cria interação nas redes sociais para desmentir notícias falsas

Por Portal do Holanda

21/07/2021 17h35 — em Manaus

Resumo da Notícia

  • Senador voltou a criticar o reajuste de 52,3% na tarifa de energia concedido pela Aneel no início deste mês
Foto: Reprodução/Facebook

Manaus/AM - O senador Eduardo Braga (MDB/AM) iniciou, nesta quarta-feira (21), nas suas redes sociais, o quadro “Mentira e Verdade” para desmentir falsas informações e desfazer narrativas criadas há muitos anos contra ele, às quais sempre evitava comentar.    

No primeiro quadro, Braga tratou da informação disseminada nas redes sociais e grupos de aplicativos, dizendo que, quando ministro de Minas e Energia, o senador teria determinado o reajusta da tarifa de energia elétrica. Eduardo assumiu a pasta em janeiro de 2015 e deixou o cargo em abril de 2016

─ Eu nunca tive responsabilidade sobre nenhum aumento na tarifa de energia elétrica. Quem concede reajuste é a Agência Nacional de Energia Elétrica, a Aneel. Mentiram várias vezes. Da mesma formo como ainda a pouco a Aneel aprovou um aumento absurdo de 52,3% na bandeira vermelha, e a responsabilidade é da Aneel, e não do atual ministro Bento (Albuquerque) -, desmentiu Eduardo Braga.

A Aneel foi criada pela Lei nº 9.427, de 26 de dezembro de 1996, durante o primeiro mandato do presidente Fernando Henrique Cardoso. A agência tem como finalidade regular e fiscalizar a produção, transmissão, distribuição e comercialização de energia elétrica, de acordo com a legislação e em conformidade com as diretrizes e as políticas do governo federal. 
De acordo com o artigo 21 da Lei, a Aneel é responsável em definir as tarifas de uso dos sistemas de transmissão e distribuição. O último reajuste nas contas de energia elétrica foi concedido no dia 1º de julho, conforme matéria publicada no portal da agência, no endereço eletrônico encurtador.com.br/oEFN2.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus