Aluna da rede pública de Manaus faz 920 pontos na redação do Enem

Por Portal do Holanda

08/04/2021 14h18 — em Manaus

Luiza Gonzaga, 18 anos - Foto: Divulgação

Manaus/AM - O fascínio pelos super-heróis está na vida da jovem Luiza Gonzaga, de 18 anos, desde que ela era criança, e é tentando ser uma heroína da vida real que ela vai buscar uma vaga no curso de Medicina, na Universidade Federal do Amazonas (Ufam). Egressa da Escola Estadual Maria Amélia do Espírito Santo, na zona oeste de Manaus, ela teve notas altas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e alcançou 920 pontos na redação, uma das melhores notas do Amazonas.

A ex-aluna da Secretaria de Estado de Educação e Desporto conta que se preparou com os conteúdos do “Aula em Casa”, com os materiais indicados pelos professores da escola e do cursinho extra que fez. Para ela, o incentivo foi primordial para manter o foco nos assuntos recorrentes nos vestibulares.

A jovem continua se preparando, agora para o vestibular da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Com a nota do Enem ela pode concorrer a vagas em universidades de todo o país e também no exterior, mas não cogita deixar Manaus, mesmo sem a abertura de vagas neste semestre na universidade federal.

Luiza diz que o pai gostaria que ela cursasse Turismo, e a mãe, Direito, mas, inspirada nos super-heróis e em vários familiares atuantes na área da Saúde, ela optou por tentar a faculdade de Medicina. “Eu acho que a importância da profissão ficou mais forte com a pandemia, mesmo com as correntes negacionistas. Acredito que ver este trabalho na linha de frente impactou bem mais em mim em querer seguir essa profissão”, avalia a candidata a médica.

Foco nos estudos

Com mais de um ano em pandemia e com poucas aulas presenciais devido ao risco de contaminação de Covid-19, a ex-aluna sugere foco e disciplina aos colegas que estão se preparando para os vestibulares, além das trocas com os professores.

“O que me ajudou foi organizar meu horário. A pandemia está sendo uma provação para os alunos pela questão da disciplina, por estar em casa e ter que focar em estudar. A organização facilitou o estudo e a manter minha saúde mental. Cada um pode se adaptar como for melhor, e entender que nós temos limites e precisamos de distração, um dia seu, de você com você, isso é muito importante”, frisa Luiza.

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus