Sindicato de Atletas ameaça ir à Justiça caso Palmeiras x Flamengo aconteça

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

24/09/2020 13h04 — em Esportes

Flamengo tem 27 contaminados pela Covid-19 - Foto: Reprodução/Instagram

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - O Sindicato de Atletas se manifestou, por meio de nota oficial, de maneira contrária à liberação da partida entre Palmeiras e Flamengo, marcada para este domingo (27), válida pelo Campeonato Brasileiro, em São Paulo.

A entidade afirma que, devido ao fato de o clube carioca ter mais de 11 jogadores contaminados com o coronavírus, a realização do jogo tem "fortes indícios de risco à vida dos atletas profissionais e demais membros dos clubes."

Até o momento, a CBF não atendeu ao ofício do Flamengo, que pede o adiamento do jogo - o Palmeiras, por outro lado, já se posicionou em prol da manutenção da data do confronto.

O sindicato afirma ainda que vai buscar um parecer com infectologistas para ter uma posição técnica sobre o caso, com o objetivo de comprovar os riscos aos envolvidos.

Por fim, a nota cita que, "uma vez obtido o parecer, e com a CBF mantendo sua postura de irresponsabilidade", vai buscar a justiça para adiar o jogo.

Leia a nota do Sindicato de Atletas:

"A situação do jogo Palmeiras x Flamengo, marcado para domingo (27 de setembro), tem fortes indícios de risco à vida dos atletas profissionais e demais membros dos clubes.

O nosso médico, Dr. Renato Anghinah, está em contato com especialistas da área de infectologia para que tenhamos a posição técnica que comprove o risco.

Uma vez obtido o parecer, e com a CBF mantendo sua postura de irresponsabilidade, buscaremos a justiça para o adiamento da partida.

A diretoria

Sindicato de Atletas Profissionais do Estado de São Paulo"