Autópsia revela que Maradona agonizou por 8 horas antes de morrer

Por Portal do Holanda

23/12/2020 9h46 — em Esportes

Médico e Diego após cirurgia - Foto: Reprodução/Instagram

O laudo da autópsia do jogador argentino Diego Maradona revelou novos detalhes sobre a morte dele, ocorrida no último dia 25 de novembro. De acordo com o canal de TV, LaSexta, o documento mostra que Maradona agonizou por cerca de 8 horas até dar o último suspiro. 

O exame mostrou ainda que o ídolo não tinha resquício de drogas ou álcool no organismo, mas fazia uso de antidepressivos, antipsicóticos e remédios para dependência química. 

Maradona morreu dias depois de realizar uma cirurgia na cabeça. Ele estava em casa, na cidade de Tigre, quando sofreu um ataque cardíaco.

 

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Esportes