Mulher é acusada de bruxaria após 'parir' um lagarto

Por

13/06/2014 17h43 — em Famosos & TV


Uma mulher teve que ser socorrida após a população ameaçar lixá-la por bruxaria após ela “dar à luz” um lagarto. Debi Nubatonis de 31 anos, afirma que após oito meses de gravidez gerando um réptil, ele nasceu. Agora, as autoridades indonésias enviaram uma equipe para tentar esclarecer o mistério.

Os cientistas afirmam que, embora isso seja claramente um absurdo, eles precisam investigar o caso para conseguir chegar a uma explicação lógica. Como a mulher mora em Oenunto, uma remota vila, ela não teve tempo de ir a um hospital e por isso uma parteira realizou o procedimento.

“Temos falado com os moradores, que confirmaram que a mulher mostrou todos os sintomas da gravidez e a parteira disse que ela realmente estava em trabalho de parto. No entanto, acreditamos que era apenas uma gravidez fantasma, na qual nunca houve uma criança, apesar de todos os sintomas”, disse o Dr. Messe Ataupa.

A parteira Josephine Lydia Hellen Wadu foi quem espalhou a notícia e insistiu em pegar o lagarto e levar até o hospital, reportando que ele havia nascido da jovem mulher.

As informações são do Noticias Terra.