Àrbitros brasileiros testam positivo para coronavírus e deixam jogo da Libertadores

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

16/09/2020 21h34 — em Coronavírus

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A equipe de arbitragem brasileira que apitaria o jogo entre Racing e Nacional nesta quinta-feira (17), pela Libertadores, na Argentina, comandada pelo gaúcho Anderson Daronco, testou positivo para o novo coronavírus e agora ficará fora da partida.

 

Além de Daronco, os auxiliares Fabrício Vilarinho e Rafael Alves e o quarto árbitro Bruno Arleu também têm o vírus. Eles testaram positivo no último domingo (13) e estão assintomáticos. Agora, cumprem isolamento de 14 dias, seguindo o protocolo sanitário da Argentina.

 

O chileno Cristián Garay, que estava escalado para ser o quarto árbitro do jogo Defensa y Justicia e Delfín também nesta quinta, na Argentina, será o árbitro principal do jogo entre Racing e Nacional. Mariana De Almeida (Argentina), Christian Schiemann (Chile) e Fernando Echenique (Argentina) completam a nova equipe de arbitragem.

+ Coronavírus