Compartilhe este texto

Procurador agrediu chefe com vontade de matar, diz MP

Por Portal do Holanda

30/06/2022 14h52 — em
Brasil


Foto: Reprodução / internet

Os promotores Daniel Godinho e Ronaldo Muniz falaram nesta quinta-feira (30), sobre o caso da procuradora Gabriela Samadello, agredida pelo colega de trabalho, Demetrius de Macedo.

De acordo com o G1 SP, os promotores do Ministério Público afirmam que o agressor desferiu socos na mulher com intenção de matá-la. Segundo eles, as testemunhas tiveram grande dificuldade para conter o agressor.

"O vídeo não retrata o episódio integral. O video é um registro do ataque violento a partir de um momento em que ele já estava em curso. Já havia violência antes do vídeo começar. A intensidade dos golpes, a recorrência dos golpes, o local do golpes, a região vital do corpo, demonstram, ao nosso ver, a vontade de matar", afirmou o promotor Daniel Godinho.

"O vídeo é uma fração das agressões sofridas pela vítima. O relato dos colegas que viram é de que se inicia com uma gravidade ainda maior, sempre buscando a cabeça, uma região vital, como é claro, e ele não consegue", diz o promotor Ronaldo Muniz.

 



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Brasil

+ Brasil