Empresas poderão adiar o pagamento do FGTS por até 4 meses

Por Portal do Holanda

05/03/2021 9h36 — em Brasil

FGTS - Foto: Reprodução

Uma Medida Provisória está sendo preparada pelo Governo para permitir que empresas adiem por até quatro meses o recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviços (FGTS) dos empregados. 

Segundo o jornal Folha de São Paulo, a suspensão será temporária e terá que ser compensada pelo patrão depois. A medida faz parte de um plano de ações para reduzir os custos dos empresários no cenário da pandemia.

Ainda segundo a reportagem, a MP deve ser publicada até a próxima semana. Após o prazo, a empresa deve voltar a pagar o FGTS mensalmente no valor normal, além dos valores que deixaram de ser depositados pelo período de até quatro meses.    

Sem multas ou encargos, os valores atrasados poderão ser parcelados, conforme informou a Folha. A medida provisória também deve reeditar dispositivo que permite a antecipação de férias. 

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Brasil