Bastidores da Política - O chega pra lá de Arthur Virgílio em Luciano Huck


O chega pra lá de Arthur Virgílio em Luciano Huck

Por RAIMUNDO DE HOLANDA

19/03/2021 18h57 — em Bastidores da Política

O ex- prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, planeja voar alto: é pré-candidato às prévias do PSDB que vai escolher o nome do partido para disputar a presidência da República em   2022. Arthur iniciou sua jornada com um "chega pra lá" em Luciano Huck, o apresentador do Caldeirão, que tem a simpatia do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

O ex-prefeito é um diplomata de carreira, mas  tem um discurso ferino quando se trata se desqualificar a concorrência.  “FHC tem o direito de errar", disse Arthur, ao mencionar o apoio de FHC a uma provável candidatura do apresentador.  Mas  o caldeirão no qual Arthur mete  a sua colher não é de Huck, é politico, um angu fervente do qual deve sair o candidato do PSDB à presidência da República .

Credenciais para isso  ele tem - uma carreira como diplomata e um histórico de contribuições com o País, sobejamente reconhecido. Ou não teria hoje o espaço que tem na mídia nacional e internacional, se fosse um politico mediano e regional. Não é. Arthur é bem maior.

Não à toa coleciona admiradores e detratores em todo o lugar, amigos inseparáveis e inimigos ferozes, que já foram amigos algum dia…

Arthur é o politico do qual, entretanto, se pode admitir que seja dito tudo contra e a favor dele, menos que  não é um nome que deva ser considerado em um momento no qual há  vários fatores em jogo no País. O principal deles,  a liberdade de expressão e opinião, que ele tanto preza e da qual os brasileiros, mesmo sob constante ameaça,  não querem e nem desejam abrir mão.

Raimundo de Holanda é jornalista de Manaus. Passou pelo "O Jornal", "Jornal do Commercio", "A Notícia", "O Estado do Amazonas" e outros veículos de comunicação do Amazonas. Foi correspondente substituto do "Jornal do Brasil" em meados dos anos 80. Atualmente escreve a coluna Bastidores no Portal que leva seu nome.