Sesc AM promove exposição sobre São Luís na Galeria Moacir Andrade

Por

30/06/2014 14h03 — em Arte e Cultura

Manaus/AM - Entre os dias 3 e 7 de julho, das 13h às 15h, na galeria Moacir Andrade, o Sesc promove a exposição “Dos Dias em que a Ausência é Marca”. Um olhar crítico e poético, com reflexões sobre a construção de identidade e representações ideológicas da cidade de São Luís, capital do Estado do Maranhão.

Composta por fotos, objetos e um vídeo, a exposição do artista plástico Dinho Araújo, revela uma série de vazios significantes que delineiam a imagem da capital maranhense.

Dentro da mostra, há uma série de fotografias que serão expostas na parte interna de um cubo preto, onde a visualização só é possível a partir de brechas. Outra parte interessante da exposição é a série Oublier, do francês “esquecer”. No qual um conjunto de fotos registra os vazios deixados pela remoção dos azulejos dos casarões maranhenses.

A galeria Moacir Andrade, fica localizada na rua Henrique Martins, 427, no Sesc Centro.

 

Dinho Araújo

Arte/Educador, designer e artista plástico, Dinho Araújo é mestre em Antropologia pela UFPB (Universidade Federal da Paraíba) e professor temporário do Departamento de Artes da UFMA (Universidade Federal do Maranhão) entre 2012 e 2013.

Participou das diversas mostras, como: I Salão de Jovens Talentos de Artes Visuais da Galeria Maggiorasca (2008); Concurso Arvoredo X, realizado pelo Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho; I Salão de Artes Visuais da Prefeitura de São Luís (2010); 3º Salão de Artes Plásticas da Prefeitura de São Luís (2012), prêmio de melhor trabalho na categoria videoinstalação; Participação na 10º Mostra Coletiva do Grupo Icnos (2013) – Sesc; Mostra de Intervenção Urbana “Desacordo Poético” (2013) apresentada na programação do Projeto Múltiplos Olhares (Sesc); 7ª Feira do Livro de São Luís (Fundação Municipal de Cultura) e 8ª Aldeia Sesc Guajajara de Artes.

Fotos: Divulgação