Compartilhe este texto

Faculdade confirma que Matteus Amaral burlou sistema de cotas ao se declarar preto

Por Folha de São Paulo

14/06/2024 13h30 — em
Arte e Cultura



SÃO PAULO, SP, E ARACAJU, SE (FOLHAPRESS) - O ex-BBB 24 e hoje influenciador digital Matteus Amaral burlou o sistema de cotas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha (IFFar). A confirmação foi enviada à reportagem pela própria instituição.

Segundo a universidade, em 2014 o estudante Matteus Amaral Vargas ingressou no curso de bacharelado em Engenharia Agrícola oferecido em conjunto com a Unipampa. A inscrição dele foi feita nas vagas destinadas a candidatos pretos/pardos. Essas informações constam no Edital no 046/2014, que é público e traz o resultado da seleção desse curso naquele ano.

"É importantíssimo ficar claro que, naquela época, conforme a Lei de Cotas de 2012, o único documento exigido para a inscrição nas cotas era a autodeclaração do candidato. Assim como em outras instituições federais de ensino, não havia mecanismo de verificação ou comprovação da declaração do candidato", diz o IFFar.

Como não havia nenhum mecanismo específico de verificação de fraudes, era preciso que houvesse alguma denúncia para que a universidade tomasse conhecimento do caso, instaurasse um processo administrativo e punisse o aluno caso fosse necessário. Mas nenhuma denúncia foi feita na época.

A instituição afirma que a política nacional de cotas foi sendo aperfeiçoada com o tempo, e que hoje, um dos mecanismos implantados é a heteroidentificação, adotada pelo IFFar desde as seleções realizadas em 2022 para ingresso em 2023. "Atualmente, cada campus do IFFar possui uma comissão composta por três pessoas titulares e duas suplentes que atua em todos os processos de seleção dos estudantes", diz outro trecho da nota.

Procurado, o ex-BBB não se pronunciou até a publicação deste texto. Porém, na última quinta (13), em meio a acusações de que teria se declarado negro para obter uma vaga, ele acabou publicando sem querer um vídeo em que sua mãe aparecia ao fundo comentando o caso.

Nos stories, que foi apagado em seguida, Matteus posava com um filhote de ovelha enquanto sua mãe dizia, ao fundo: "Já ouvi dizer que isso aí não dá nada, se eu me declarei negra, sou negra". O vídeo foi recuperado por internautas e publicado no X.

Um documento de 2014 disponível no site do Instituto Federal Farroupilha, um estudante de nome Matteus Amaral Vargas, o mesmo do ex-BBB, aparece matriculado no curso de Engenharia Agrícola em Alegrete. No documento, o estudante se declara como "preto".

As informações sobre o curso, a data e a instituição batem com os relatos do próprio Matteus, que diz ter trancado a faculdade no quinto semestre.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Arte e Cultura

+ Arte e Cultura