Compartilhe este texto

Cachorro de 'Anatomia de uma Queda' ensaiou por dois meses para fingir sua morte

Por Folha de São Paulo

21/02/2024 11h30 — em
Arte e Cultura



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Messi, o cachorro-ator que interpretou Snoop em "Anatomia de uma Queda", precisou treinar por dois meses para poder fingir a própria morte no filme de Justine Triet, vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes do ano passado.

Na cena em questão, o cão espuma pela boca e se deita, como se estivesse prestes a morrer, depois de ingerir um medicamento para humanos, que poderia ser a causa da morte que move o drama de tribunal.

Indicado a cinco estatuetas do Oscar, "Anatomia de uma Queda" fez de Messi uma sensação na internet e nos círculos cinéfilos. O cachorro até mesmo participou de uma entrevista sobre o filme, e venceu, também em Cannes, a Palma Canina, oferecida aos melhores atores caninos da seleção.

Messi já sabia se fingir de morto, mas precisou praticar para se manter nesta condição por um tempo razoável, enquanto ouvia gritos e passos de pessoas ao redor. Foi necessário treiná-lo diariamente, numa preparação de dois meses que antecedeu as filmagens, segundo Laura Martin Contini, sua tutora.

Ele também precisou aprender a se portar como cão-guia, já que no filme é o companheiro de Daniel, filho cego da protagonista e peça-chave na investigação que se desenrola. Por isso, Messi e o ator mirim Milo Machado Graner precisaram criar um laço antes das gravações, passando tempo juntos.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Arte e Cultura

+ Arte e Cultura