Amy Schumer revela ter passado por remoção do útero e do apêndice

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

19/09/2021 15h32 — em Arte e Cultura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A atriz americana Amy Schumer, 40, revelou, na noite deste sábado (18), que teve o útero e o apêndice removidos em uma cirurgia por causa da endometriose. "Havia muito, muito sangue no meu útero", disse ela nas redes sociais em um vídeo feito ainda no hospital.

"O médico encontrou 30 pontos de endometriose que ele removeu. Ele também removeu meu apêndice porque a endometriose o atacou", afirmou a artista em um vídeo feito por seu marido, Chris Fischer, onde ela também relatou sentir dores após o procedimento, "tipo dores de gases".

Em sua publicação o Instagram, a atriz ainda fez um alerta a suas seguidoras: "Se você tiver menstruações realmente dolorosas, pode ter endometriose", afirmou ela sobre o problema que acontece quando o tecido que reveste o útero cresce fora dele.

Schumer, que, segundo a revista People, também tem adenomiose, que consiste em um espessamento dentro das paredes do útero, já havia falado publicamente sobre seus problemas e como isso afetava as possibilidades de ter um segundo filho. Ela e o marido têm um menino de 2 anos.

"Fizemos fertilização in vitro e foi muito difícil", disse Schumer em agosto do ano passado. "Eu não acho que poderia fazer a fertilização novamente. Decidi que não posso engravidar nunca mais. Nós pensamos em um substituto, mas acho que vamos esperar por agora."

A atriz afirmou ter embriões guardados, mas com a pandemia não tem planos para um novo bebê agora. "Sou muito grata por nosso filho e por termos os recursos para obter ajuda", afirmou ela em uma conversa com fãs em suas redes sociais, onde compartilhou detalhes sobre sua fertilização.

Amy Schumer estrelou filmes como 'Sexy Por Acidente", "Descompensada" e "Procura-se um Amigo para o Fim do Mundo".


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Arte e Cultura