Governo do Amazonas discute plano de contingência para 3ª onda da Covid-19

Por Portal do Holanda

06/04/2021 11h33 — em Amazonas

Wilson Lima se reuniu com White Martins - Foto: Diego Peres/Secom

Manaus/AM - O governador Wilson Lima se reuniu com representantes da fornecedora de oxigênio White Martins, nesta segunda-feira (05), para tratar do plano de contingência que está sendo atualizado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), tendo em vista o enfrentamento a um possível novo pico da pandemia de Covid-19 no Amazonas, como ocorre em outros países.

No encontro, realizado de forma virtual, Wilson Lima afirmou que o avanço da vacinação contra a Covid-19 é a principal esperança de que a situação não volte a agravar, mas destacou que o Estado já elabora um plano de contingência, caso o Amazonas siga a tendência observada em outros países, como da Europa, que vivem uma terceira onda da pandemia.

Nos países europeus, o intervalo entre a segunda e terceira onda foi entre 50 e 21 dias. De acordo com a SES-AM, no segundo pico no Amazonas, em janeiro deste ano, o número de casos subiu gradativamente durante 21 dias e foram necessários 40 dias para desacelerar. Os indicadores estaduais continuam sendo monitorados e ainda mostram tendência de queda no número de casos, internações e óbitos por Covid-19.

Plano de Contingência

Embora o cenário seja de redução na curva da pandemia no Amazonas, a SES-AM já trabalha no plano de contingência caso o estado venha a enfrentar um novo pico. Entre as medidas em planejamento está o abastecimento de oxigênio, insumo muito demandado nas internações hospitalares devido às peculiaridades da Covid-19.

De acordo com a White Martins, a produção da empresa no Amazonas, hoje, é de 36 mil metros cúbicos (m³) por dia, em média. Já o consumo da rede estadual de saúde está de 17 mil m³/dia. No segundo pico da pandemia no estado, a demanda chegou a 80 mil m³ para atender toda a rede, na capital e interior. Os representantes da White Martins informaram, ainda, que a capacidade atual de armazenamento em Manaus é de 250 mil metros cúbicos.

Variante P1

Durante a reunião, o secretário estadual de Saúde, Marcellus Campêlo, lembrou que a nova variante do novo coronavírus, batizada de P1, foi um dos fatores que levaram ao crescimento recorde e inesperado de casos e internações por Covid-19, em um curto período de tempo no Amazonas, comprometendo todo o planejamento traçado no Plano de Contingência para o Recrudescimento da doença, que vinha sendo colocado em prática desde novembro do ano passado.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas