Estudo deve identificar relação da variante P1 com aumento de mortes no AM

Por Portal do Holanda

19/02/2021 19h10 — em Amazonas

Mutações do coronavírus - Imagem: Kaust/Ivan Viola/Divulgação

Manaus/AM - A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), em parceria com a Fiocruz Amazônia, realiza a investigação pioneira de 2 mil amostras de infectados com o novo coronavírus (SARS-CoV-2), buscando identificar se a P1, variante do vírus identificada no Amazonas, está relacionada ao aumento de casos graves e óbitos pela covid-19 registrados, em janeiro deste ano, no estado.

As amostras foram processadas e armazenadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen/FVS) e serão examinadas por método de diagnóstico do tipo RT-PCR específicos para identificação da variante P1. A análise das amostras será realizada pelo laboratório da Fundação Oswaldo Cruz. Com a análise das amostras, será possível verificar o impacto da variante P1 no aumento repentino de casos, de internações e óbitos por covid-19 nos últimos dois meses.

Variante P1 

A FVS-AM confirmou, até a última segunda-feira (15/02), três casos de reinfecção pelo novo coronavírus. A análise das amostras dos pacientes enfermos apontou a presença da variante P1 nos três casos. Os casos de reinfecção foram confirmados, por sequenciamento genético, realizado pela Fiocruz Amazônia, e seguem protocolo do Ministério da Saúde para identificação de casos de reinfecção.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas