Compartilhe este texto

Amazonprev lança serviço de certidão de benefício 'Nada consta' online

Por Portal do Holanda

27/01/2022 12h17 — em
Amazonas


Atendimento será agilizado com a ferramenta - Foto: Divulgação

Manaus/AM - A Fundação Amazonprev lançou nesta quinta-feira (27), em seu portal o servilo de emissão do certificado da existência de benefícios previdenciários, mais conhecido como "Nada Consta".

O serviço faz com que não haja mais necessidade de ir ao órgão para solicitar o documento. 

“Com o novo serviço, o tempo de espera para a liberação da declaração foi reduzido em pelo menos três dias. No site, após a confirmação dos dados de quem está solicitando o serviço, é gerado um arquivo em formato PDF e um QR code, sendo possível imprimir o documento”, explica André Luiz Zogahib, presidente da Amazonprev.

Caso não haja benefício no CPF consultado, a mensagem será de “Declaramos que NÃO CONSTA NADA na Fundação Amazonprev”. Por outro lado, se o cidadão já recebe algum benefício, não haverá a emissão de documento. Sendo assim, ele deverá realizar o agendamento eletrônico para o atendimento presencial.

Esse tipo de certidão pode ser solicitado por motivos de verificação de acúmulo de benefícios, para o caso de candidatos a concursos públicos, por exemplo, ou para efeitos de aposentadoria ou solicitação de pensão por morte em outro Regime Previdenciário.

Passo a passo

Para a emissão do documento, o solicitante deve acessar a aba de Serviços no site da Amazonprev (www.amazonprev.am.gov.br) e escolher a opção “Declaração de Beneficiário (Consta/Nada Consta)”, depois do que será direcionado para efetuar o login. Para o caso de ser o primeiro acesso, é preciso se cadastrar e criar uma senha.

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Amazonas

+ Amazonas