Aleam aprova “Votos de Parabéns” de Belarmino Lins a Omar Aziz

Por Portal do Holanda

13/08/2015 14h59 — em Amazonas

Por unanimidade, a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) aprovou, nesta quinta-feira (13), Votos de Parabéns, de autoria do deputado Belarmino Lins (PMDB), ao senador Omar José Abdel Aziz (PSD) pela passagem do seu aniversário, comemorado em 13 de agosto.

“Com grande orgulho e satisfação, registramos o aniversário do ex-governador e atualmente senador da República,  Omar Aziz, que é natural do Estado de São Paulo, mas detentor, com muita justiça, da cidadania amazonense concedida pela Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM)”, disse o deputado.

Nascido em 1958 e radicado em Manaus há mais de 30 anos, Omar pertence a uma família miscigenada pelas raças árabe e italiana, é casado com Nejmi Jomaa Abdel Aziz e pai de três filhos: Emjen, Enzo e Johara. “É importante destacar Omar enquanto pai de família, mas também o talento e a sua fibra nas lutas estudantis contra a ditadura militar implantada no país em 1964, o que o impulsionou à vida pública e à carreira política, tendo sido eleito vereador em Manaus e deputado estadual do Amazonas na década de 1990”, destaca Belarmino, enfatizando a trajetória política do senador . Em 1996, informa Belarmino,  Omar Aziz se elegeu vice-prefeito de Manaus em chapa encabeçada por Alfredo Nascimento, valendo ressaltar a recondução de ambos aos respectivos cargos nas eleições municipais de 2000. Em maio de 2002 desincompatibilizou-se do cargo para disputar o governo do Amazonas na condição de vice do hoje também senador Eduardo Braga (PMDB), ministro das Minas e Energia. “Quatro anos depois, em 2006, o povo amazonense reconduziu a dupla ao Poder pelo reconhecido trabalho realizado em favor do Estado”, salienta o parlamentar.

Em 2008, Omar disputou a Prefeitura de Manaus e em 31 de março de 2010 assumiu o cargo de governador em função da renúncia de Eduardo Braga para concorrer ao Senado. Candidato à reeleição, Omar venceria  as eleições estaduais de 2010 na companhia do seu vice, professor José Melo (Pros), com mais de 940.000 votos, quase 64% do eleitorado amazonense.

Em 4 de abril de 2014, Omar Aziz renunciou ao governo do Amazonas para disputar uma cadeira no Senado Federal, enquanto o então vice-governador, José Melo, assumiria o comando do Estado, se reelegendo governador. “Urge reconhecermos que a carreira política de Omar é uma das mais brilhantes do nosso Estado e uma das mais dignas deste país por suas vitórias eleitorais incontestáveis e por sua invejável performance administrativa”, reforça Belarmino.