Novas lives do projeto ‘Vozes da Floresta’ acontecem neste fim de semana

Por Portal do Holanda

15/04/2021 13h31 — em Agenda Cultural

Foto: Divulgação

Manaus/AM - Dando continuidade ao projeto “Vozes da Floresta”, o cantor Yassir Chediak promove no próximo final de semana mais duas apresentações do evento virtual que tem por objetivo transmitir uma mensagem de sustentabilidade e respeito ao meio ambiente para todas as gerações através da música. As lives shows são gratuitas e têm transmissão nos dias 17 e 18/04 (sábado e domingo), a partir das 15h.

Sempre engajado com o tema ambiental, Yassir Chediak (que é uma das maiores referências no uso da tradicional viola de 10 cordas) é morador da Serra da Cantareira em Mairiporã (São Paulo). Com 64.800 hectares, o local possui a maior floresta urbana do mundo e foi declarado pela UNESCO (órgão ligado a ONU) como Reserva da Biosfera, integrando esta valiosa unidade de conservação como patrimônio da humanidade.

O artista pretende através dessas apresentações conscientizar as pessoas para a importância da preservação deste bioma que cerca a maior metrópole da América Latina, assim como sua relevância para a sobrevivência da própria cidade. “A Cantareira é o pulmão verde da cidade de São Paulo. É por isto que apresentamos o projeto ‘VOZES DA FLORESTA’, que tem levado ao grande público diversas canções com temas inspirados na natureza, seus animais, plantas, sons e seus demais elementos”, explica.

O projeto “VOZES DA FLORESTA” tem realização do Governo Federal (Ministério do Turismo e Secretaria Especial de Cultura) e do Governo de São Paulo (por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa) através do Proac Expresso LAB (Lei Aldir Blanc). As apresentações ocorrem até o dia 24 de abril.

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Agenda Cultural