Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Sinteam rejeita proposta de reajuste do governo para educadores no Amazonas

Publicado

em

Batalha do impeachment de Wilson Lima tem isca e tem peixe


Manaus/AM - A assembleia geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Amazonas (SINTEAM) rejeitou a contraproposta de 3,93% de reajuste oferecida pelo Governo do Estado. Mais de 1 mil trabalhadores participaram da atividade realizada nesta quarta-feira (27).

A assembleia aprovou também paralisar as atividades nas escolas na próxima terça-feira, dia 2 de abril, caso não haja uma resposta positiva até o dia 1°. A diretoria do sindicato deve comunicar formalmente a decisão da assembleia amanhã, dia 28, ao governo.

Além dos 15% de aumento, o sindicato reivindica atendimento para os trabalhadores no interior, de acordo com o contrato entre SEDUC e Hapvida; ampliar o atendimento da Hapvida para os aposentados; segurança nas escolas das redes estadual e municipal; auxílio-localidade: cobrar da SEDUC os valores e aprovação do benefício; auxílio alimentação por turno; auxílio transporte para todos sem o desconto de 6%; enquadramento horizontal automático - reduzir de 4 para 3 anos e enquadramento vertical imediato.

SEMED 

A diretoria do sindicato também vai encaminhar a pauta de reivindicações para a Semed. A data-base da rede municipal vence no dia 1° de maio.

Na pauta está o reajuste de 15%, cumprimento do HTP, aumento do vale-alimentação, pagamento imediato da carga dobrada, enquadramento imediato, entre outras reivindicações.

 



Já leu estas ?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.