Compartilhe este texto

O Perse e seus desafios!


Por Orsine Jr.

17/02/2024 11h45 — em
Turismo, eu acredito!


Foto: Divulgação

Como empresário do setor de turismo e eventos, é crucial analisar de perto os recentes debates em torno do Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse). As muitas discussões sobre sua continuidade e possíveis irregularidades levantam questões importantes sobre a recuperação , o futuro do setor, e a eficácia dessas políticas de apoio.

É inegável que o Perse desempenhou um papel crucial em aliviar os percalços causados pela pandemia, mas a recente medida provisória que limita seus benefícios lançou incertezas sobre o futuro de setores que, de forma direta ou indireta, são beneficiados pelo Programa . Enquanto o governo e as entidades divergem sobre os números e sua eficácia, faz-se mais que necessário priorizar o diálogo e a transparência para encontrar soluções que atendam às necessidades reais daqueles que atuam no mercado.

As acusações de possíveis irregularidades no uso do programa são preocupantes e exigem uma investigação transparente e completa. Porém, não podemos permitir  que casos isolados comprometam algo que beneficiou muitos de nós.

A colaboração entre o governo, as entidades, profissionais do setor e o Congresso é fundamental para encontrar soluções que garantam a continuidade do apoio ao setor de turismo e eventos, ao mesmo tempo que se evitem quaisquer tipo de irregularidades. É essencial que qualquer mudança seja cuidadosamente considerada, levando em conta o impacto nas empresas, nos empregos e na economia como um todo.

Por isso, é tão importante a defesa de uma abordagem equilibrada e colaborativa para enfrentar estes desafios. É hora de priorizar o diálogo, a transparência e a ação responsável para garantir que medidas sejam tomadas com base em informações precisas e em prol do bem-estar do setor.

À medida que o debate sobre o Perse continua, é essencial manter o foco no objetivo final: apoiar a recuperação e o crescimento do setor de turismo e eventos, contribuindo para a revitalização da economia e a criação de oportunidades para todos.

Afinal, o futuro do setor de turismo e eventos depende de nossa capacidade de enfrentar desafios com resiliência e cooperação.

Por um maior entendimento sobre o Perse, Turismo, Eu Acredito!

Siga-nos no
Os artigos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados nesta coluna não refletem necessariamente o pensamento do Portal do Holanda, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

ASSUNTOS: Turismo, eu acredito!

+ Turismo, eu acredito!