Prefeitura nega auxiliar família em translado de amigas de Manaus mortas em SP

Por Portal do Holanda

16/06/2021 13h11 — em Policial

Jovens foram encontradas em beira da estrada em SP. Foto: Reprodução

Manaus/AM - Após circular a mensagem que a Prefeitura de Manaus ia realizar o translado dos corpos das amigas Júlia Renata Garcia Rafael, de 26 anos, e Cláudia Cristina Pinto Menezes, de 35, encontradas mortas em São Paulo, assessoria do Executivo Municipal negou a informação.

Ao ser questionada, a pasta de comunicação da prefeitura emitiu nota e informou que o órgão “não tem relação com o caso citado”.

As amigas de Manaus foram encontradas mortas no acostamento de uma rodovia de São Paulo nessa terça-feira (15), após serem consideradas desaparecidas. A última vez que elas haviam sido vistas foi após uma festa em Paraisópolis, na Zona Sul da capital paulista, no último dia 3.

Segundo a imprensa paulistana, uma irmã de Júlia, que mora em Manaus, disse que a jovem era independente, gostava de sair com os amigos e viajar.

O caso foi registrado pelo 50º DP (Itaim Paulista) e encaminhado a Delegacia de Investigações sobre Pessoas Desaparecidas, do DHPP, segundo portais de notícias de São Paulo.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Policial