Compartilhe este texto

Marido de juíza morta com tiro confirma ser dono da arma utilizada para disparo

Por Portal do Holanda

17/05/2022 17h43 — em
Policial


Foto: Arquivo Pessoal

O marido da juíza Mônica Maria Andrade Figueiredo, o juiz João Figueiredo de Oliveira,  confirmou que é o dono da arma utilizada na morte da mulher. O caso aconteceu em um prédio na cidade de Belém, no Pará.

Mônica foi encontrada morta dentro de um carro no estacionamento do prédio na manhã desta terça-feira (17). João informou no Boletim de Ocorrência que ele e a juíza tiveram "uma pequena discussão acerca do relacionamento".

Após o desentendimento, ele relata que a mulher arrumou suas coisas e desceu do prédio afirmando que iria viajar. Segundo Augusto, após não encontrar a chave do carro, ele pegou a chave reserva e se encaminhou ao estacionamento do prédio. 

Ao chegar no local, ele diz que viu o veículo estacionado e com a porta aberta. Conforme o relato, o juiz "ao se aproximar do carro, percebeu que sua esposa tinha cometido suicídio, e para isso, usou a arma de fogo". 

João foi liberado após prestar depoimento. O caso segue sendo investigado pela Divisão de Homicídios.



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Policial

+ Policial