Dupla é presa com 350 kg de skunk em flutuante no Amazonas

Por Portal do Holanda

26/10/2020 16h46 — em Policial

Ação aconteceu durante operação 'Kambeba'- Foto: Jander Robson / Portal do Holanda

Manaus/AM - Dois homens, de 34 e 49 anos, foram presos na tarde de sábado (24), no município de Maraã, durante a operação ‘Kambeba’, deflagrada pelo Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc). Também foram apreendidas 350 quilos de maconha do tipo skunk. Segundo o diretor do Denarc, delegado Paulo Mavignier, a operação é resultado de uma investigação sobre uma rota de drogas naquele município. Segundo ele, no sábado, as equipes descobriram que ocorria um grande carregamento de entorpecentes no lugar.

 

Segundo o diretor do Denarc, delegado Paulo Mavignier, a operação é resultado de uma investigação sobre uma rota de drogas naquele município. Segundo ele, no sábado, as equipes descobriram que ocorria um grande carregamento de entorpecentes no lugar.

"Foram dois meses de investigação. Essa droga seria despachada de barco de forma fracionada para outro município. Essa apreensão de drogas causou um prejuízo ao tráfico de R$ 3 milhões", disse. 

O diretor do Denarc destacou que, com base nessas informações, os policiais se deslocaram até aquele município e, durante patrulhamento pelos rios, passaram por um flutuante e realizaram uma abordagem. No loca, encontraram dois homens, e durante revista, localizaram alguns tabletes de drogas armazenadas em uma mala.

Ao serem questionados, os homens informaram que estavam preparado a mala com as drogas para as embarcarem na lanche para o município de Tefé. Eles relataram, também, que atrás do flutuante havia mais entorpecentes escondidos, onde as equipes encontraram mais seis sacos grandes contendo o material ilícito.

A dupla foi atuava em flagrante por tráfico de drogas e associação para o trafico. Eles irão permanecer custodiados na 60ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Maraã, à disposição da Justiça.