Mobilização para prevenir afogamentos na P. Negra

Por

12/09/2012 17h36 — em Manaus


A questão da segurança no balneário da praia da Ponta Negra, na região Oeste de Manaus, foi tema de debate nesta manhã entre representantes do Governo do Estado, via Secretaria de Segurança Pública (SSP), da prefeitura e da Capitania dos Portos/Marinha. Desde junho, quando o complexo de lazer foi reinaugurado pela prefeitura, responsável pelo logradouro público, nove pessoas morreram afogadas.

 
Reunidos no Gabinete de Gestão Integrada (GGI), sob coordenação da SSP, os servidores do Estado e município apresentaram os problemas detectados na Ponta Negra que possam estar levando a essas ocorrências de afogamento, considerando que a praia foi ampliada recentemente por aterramento de areia.

 
De acordo com o secretário-executivo do GGI, delegado de Polícia Civil Frederico Mendes, na reunião o Corpo de Bombeiros, que presta serviço de salva-vidas e resgate na praia das 7 às 18h, todos os dias da semana, apresentou demanda à prefeitura de material que necessita para melhorar a vigilância e dar mais condições de trabalho para os agentes. “Entre elas estão um local para a guarda dos equipamentos dos mergulhadores, bancos altos para observação e postos flutuantes para monitoramento do rio para a margem.

 
A Prefeitura de Manaus reúne nesta tarde os gestores de órgãos internos envolvidos com a questão para deliberar sobre os pontos apresentados pela SSP, por intermédio do Corpo de Bombeiros. A possibilidade de interdição da praia para banho à noite é uma das situações que serão analisadas. Frederico Mendes disse que possivelmente nesta tarde será anunciada a decisão sobre a questão, após comunicado da prefeitura.

 
Também estão sendo cogitadas a extensão do horário de atuação dos guarda-vidas na orla, a sinalização dos locais para os banhistas e vendedores ambulantes e acesso facilitado de viaturas de polícia e bombeiros na área de praia. Frederico Mendes disse que o Governo do Estado está buscando o consenso nas providências que serão adotadas de imediato, tudo com o intuito de preservar vidas e proporcionar condições ideais para a diversão e o lazer da população.

NULL