Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Denúncia de corrupção: Tayah admite que está sendo preparado o afastamento de Cavalcante

Publicado

em

Por

Manaus - Depois de mais um depoimento de  que o superintendente da SMTU, Marcos Cavalcante, teria recebido propina, o presidente da Câmara de Vereadores, Isaac Tayah, admitu que o seu afastamento está sendo preparado.  Cavalcante deve ficar fora do cargo até o final das investigações...


O vereador Ademar Bandeira foi à tribuna e apresentou uma declaração assinada por Raimundo Lopes Gomes, cooperado da CVTRAM, de que havia pago ao superintendente da SMTU, Marcos Cavalcante, R$ 17 mil, em janeiro deste ano, para ter uma vaga no sistema. Bandeira requereu uma CPI para o caso.

Cavalcante está chegando ao limite da resistência. A própria Câmara que no passado lhe cassou o mandato de vereador, agora ameaça seu cargo na SMTU. Ontem o presidente da casa, Isaac Tayah entrou na discussão e admitiu que Cavalcante pode ser afastado do cargo enquanto durar a acusação de que comanda uma quadrilha que vende   concessões para o sistema de transporte executivo.

Tayah explicou que essa possibilidade é garantida pela Lei Orgânica do Município. "Já existem documentos suficientes para que  ocorra o afastamento do presidente", disse. Mas a bancada da situação insiste em blindar o pupilo de Amazonino.

NULL

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.