Juiz diz que TCE-AM é incompetente para julgar contas de prefeito e anula acórdão

Por Portal do Holanda

15/08/2019 21h10 — em Amazonas

Manaus/AM - O Juiz Frank Torres Stone, da 1ª Vara da Fazenda Pública , anulou acórdão do TCE-Am, que condenou o prefeito do município de Tapauá, Almino Gonçalves de Albuquerquel. Na sua decisão. Stones, que se baseou em entendimento de repercussão geral  adotado pelo Supremo Tribunal Federal, diz que a competência para julgar as contas de  prefeitos é da Câmara de Vereadores. Na prática, o TCE estaria usurpando essa atribuição. 

O entendimento do STF, no qual Frank Stones se baseou, é o de que a Câmara de Vereadores tem a competência para julgar as contas de governo e de gestão dos prefeitos, cabendo ao Tribunal de Contas apenas auxiliar o Poder Legislativo municipal, emitindo parecer prévio e opinativo.

Ouvido pelo Portal do Holanda, o conselheiro Érico Desterro disse que os prefeitos são de  fato ordenadores de despesa, dai o entendimento do TCE de que cabe à corte o julgamento das contas, mas admite que é preciso trabalhar para que o Supremo reavalie o caso.

Confira a sentença completa:

 

Clique para baixar arquivo


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas


03/03/2021

Retratação