Trump bate martelo e proíbe TikTok e WeChat nos Estados Unidos

Por Portal do Holanda

18/09/2020 9h52 — em Mundo

Foto: Ilustrativa

Donald Trump cumpriu a ameaça e proibiu o uso do aplicativo chinês TikTok em todo os Estados Unidos. A proibição dos downloads começa a valer a partir do próximo domingo (20). Quem já tem o app instalado no telefone poderá continuar usando normalmente, mas a plataforma não deve ganhar novos usuários a partir de agora.

A ordem vale ainda para o WeChat que também pertence ao país asiático. Segundo Trump, ambos são ferramentas que representam riscos à segurança nacional. Os Estados Unidos estão em pé de guerra com a China desde que descobriu atividades de espionagem em território americano.

Um comunicado oficial foi divulgado hoje (18), pelo Departamento de Comércio dos EUA, reiterando a proibição. Em um trecho, o documento afirma: “O Partido Comunista da China mostrou que tem os meios e a intenção de usar esses aplicativos para ameaçar a segurança nacional, a política externa e a economia dos Estados Unidos”.

Na tentativa de manter o aplicativo ativo no país, a Oracle fechou um acordo com o TikTok, na tentativa de torná-lo uma empresa global com sede local. Contudo, o acordo depende da aprovação de Trump, o presidente chegou a tentar comprar o TikTok, mas não teve sucesso na investida.