Suspeito de matar 26 idosas estranguladas na Rússia é preso

Por Portal do Holanda

02/12/2020 21h50 — em Mundo

Foto: Reprodução / Grupo Globo

O metalúrgico Radik Tagirov, de 38 anos, foi preso suspeito de matar 26 mulheres idosas foi preso na terça-feira (2), pela polícia na Rússia. A imprensa local afirmou que o homem é conhecido como “Maníaco de Volga”, e atacava mulheres que moravam sozinhas nas proximidades do rio que leva o mesmo nome.

As agências de notícias russas informaram que o homem se passava por assistente social ou por funcionário de manutenção e entrava na casa das vítimas; em seguida, estrangulava e matava para roubar seus bens.

O assassino usava objetos próximos, como um cordão de roupão e um cabo de ferro para estrangular as vítimas.

As autoridades ofereciam uma recompensa de até 3 milhões de rublos por informações sobre seu paradeiro e o procuravam há anos.


+ Mundo