Delegado alega legítima defesa e diz que fez apenas “disparos necessários”

Por Portal do Holanda

25/11/2017 10h25 — em Policial

Foto: Divulgação

O delegado Gustavo Sotero, autor do disparos que matou o advogado Wilson de Lima Justo no Porão do Alemão na madrugada deste sábado (25),  alegou em depoimento ter atirado em legítima defesa após ter levado um soco de Wilson. Segundo ele, o advogado partiu para cima dele novamente e foi quando efetuou os disparos.

Gustavo não disse em depoimento como se deu o início da confusão e alegou ter sido surpreendido com um soco de Wilson que continuou o agredindo. Ele disse ainda que está muito abalado já que nunca atirou em ninguém mesmo exercendo sua função.

Sotero não soube precisar quantos disparos efetuou e disse que fez apenas “disparos necessários para conter a agressão”.

Veja o depoimento.