Luiza Brunet revela que abandonou trabalhos por recusar teste do sofá

Por Portal do Holanda

07/03/2021 12h12 — em Famosos & TV

Foto: Reprodução/Instagram

Luiza Brunet, que foi musa nos anos 80 e 90, precisou abandonar trabalhos no meio artístico por recusar a ter relações sexuais com os seus empregadores que tinham “teste do sofá” como regra.

"Era naturalizado os contratantes quererem fazer o teste do sofá. Na minha época, a gente tinha que se safar da maneira que achava correta. Muitas vezes abandonei trabalho no meio, porque não admitia que eu tivesse que fazer teste do sofá ou qualquer coisa do gênero. Importante ter a sabedoria de se colocar como profissional, não como instrumento.”.

A mãe de Yasmin Brunet também conta que hoje, aos 59 anos, a qualidade do sexo está ótima.

"Sexo, independentemente da idade, se você tiver uma vida saudável, cuidar do corpo, da mente, se exercitar, ter uma vida regrada, vai ter uma qualidade muito boa, seja jovem, madura ou na terceira idade. Sou exemplo disso. Não vejo nenhum pré-requisito para que a gente possa ser feliz e ter muitos orgasmos na vida madura", explica.

A modelo que denunciou violência doméstica do ex-marido, Lírio Parisotto, é embaixadora do projeto Salve uma Mulher e conta que procura apoiar mulheres que passam pelo mesmo.

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Famosos & TV