Compartilhe este texto

Manoel decide, Fluminense vence o Botafogo e se aproxima do G4

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

26/06/2022 17h33 — em
Esportes



RIO DE JANEIRO, RJ, E SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Festa na arquibancada, adeus de promessa e um clássico morno, que terminou com gol no fim. Neste domingo (26), o Fluminense demorou, mas achou o gol, aos 37 minutos do segundo tempo, com o zagueiro Manoel, e venceu o Botafogo por 1 a 0, no Nilton Santos, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O resultado leva o Fluminense aos 21 pontos e um salto para a sexta posição. Agora, o time tricolor começa a sonhar com o G4. Enquanto isso, o Botafogo fica com 21 pontos e, momentaneamente, ocupa a nona posição.

O adeus de Luiz Henrique aconteceu em uma tarde feliz. A grande promessa se despede da equipe tricolor e iniciará a trajetória no Betis, da Espanha. A negociação ficou renderá cerca de R$ 70 milhões aos cofres do clube das Laranjeiras.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo encara o Red Bull Bragantino, fora de casa, na segunda-feira (04), enquanto o Fluminense recebe o Corinthians, no sábado (02).

O Botafogo lutou contra a principal característica do Fluminense de Diniz: a posse de bola. Com 27 minutos de jogo, o time alvinegro registrou 24% de posse. No entanto, ainda assim, os lances apresentaram mais perigo. Foram três chances claras: Hugo, aos 11 minutos, Matheus Nascimento, aos 14, e Vinícius Lopes aos 24. Com o time tricolor mantendo o domínio de posse, o Botafogo começou a perder força já no fim do primeiro tempo.

Sem alteração no segundo tempo, o clube alvinegro permaneceu olhando o Fluminense trocar passes e ter criações perigosas pelas pontas. Para se recuperar, Severino colocou Érison, aos 16 minutos, mas não adiantou. Diferentemente do primeiro tempo em que o Botafogo ainda criou oportunidades, Fábio não sujou o uniforme e apenas viu de longe o elenco tricolor massacrar pelo gol. Aos 33 minutos, 'El Toro' ainda recebeu cruzamento sozinho, mas a bola veio muito alta e a chance mais clara do time alvinegro foi desperdiçada. O castigo veio três minutos mais tarde com gol de Manoel.

Suspenso contra o Internacional, Luís Castro não pôde estar na beira do gramado do Nilton Santos. Porém, o português marcou presença nas tribunas do estádio para acompanhar o clássico contra o Fluminense. Em um registro do Premiere, o treinador lamentou muito a chance perdida por Erison, no segundo tempo.

No clássico 4-3-3, o Fluminense foi a campo com a mesma escalação pela terceira vez consecutiva. A equipe tricolor começou a partida aproveitando o lado direito na triangulação com Samuel, Luiz Henrique e Jhon Arias. O clube dominou a posse de bola e encerrou o primeiro tempo com quase 80%, porém, o controle de jogo não trouxe tanto perigo ao gol de Gatito.

O Fluminense voltou para o segundo tempo valorizando o controle de jogo, no entanto, focou as ações no lado esquerdo. A equipe de Diniz dominou a segunda etapa enquanto o Botafogo assistiu. Foram algumas chances criadas, e desperdiçadas, até o gol sair na insistência. Aos 37, Manoel marcou um golaço que deu a vitória no clássico.

BOTAFOGO

Gatito, Saravia, Joel Carli, Kanu (Daniel Cruz), Tchê Tchê, Chay (Jeffinho), Victor Cuesta, Hugo, Del Piage (Oyama), Vinicius Lopes e Matheus Nascimento (Erison). T.: Victor Severino.

FLUMINENSE

Fábio, Samuel Xavier, Nino, Manoel, Caio Paulista, André, Nonato, PH Ganso (Matheus Martins), Luiz Henrique, Jhon Arias (Felipe Melo) e Cano (John Kennedy). T.: Fernando Diniz.

Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Michael Stanislau (RS)

VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Cartões amarelos: Nonato e John Kennedy (FLU); Chay e Joel Carli (BOT)

Gols: Manoel (FLU), aos 37'/2ºT



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Esportes

+ Esportes