Compartilhe este texto

Flamengo ainda espera outros reforços, mas prazo já preocupa

Por Folha de São Paulo

20/02/2024 10h00 — em
Esportes



O Flamengo segue atento ao mercado da bola por mais reforços no elenco, mas o prazo pode ser um inimigo. O clube segue com Léo Ortiz no radar, mas ainda mira outras posições antes do dia 7 de março, data limite para as negociações.

O que aconteceu

O Fla entende que ainda precisa de outros jogadores para reforçar o elenco, não só um zagueiro. Mesmo com um time titular já se definindo, a diretoria quer formar um grupo forte pensando nos possíveis desfalques. O clube já tinha mapeado atletas para o meio-campo e para a ponta.

Léo Ortiz é o principal nome em negociação. O Flamengo, porém, não tem ele como única alternativa. O clube chegou a ter conversa com Domingos Duarte, zagueiro português do Getafe, da Espanha.

Caso o Red Bull Bragantino não ceda, o alvo pode voltar para o português. O Fla ainda poderia contratá-lo, mas o que pode dificultar é o fato de o Getafe não poder buscar uma reposição imediata pelo fechamento da janela na Espanha.

Outro que esteve em pauta do Fla foi o volante Al-Musrati. Ele estava no Braga, de Portugal, mas foi vendido ao Besiktas, da Turquia. O clube brasileiro se reuniu com os portugueses para falar sobre o negócio durante a viagem pela Europa, mas a saída frustrou os planos. Era um atleta que agradava bastante internamente.

Qquando estamos em uma situação como essa, do Leo Ortiz, falamos que queremos a contratação dele, mas a gente trabalha com outros nomes. Apenas não foi vazado. Não há invenção aqui dentro, são jogadores que estão sendo monitorados, estamos fazendo relatórios, perguntando sobre contratos

Marcos Braz

Prazos à vista

São mais 17 dias de janela de transferências. Depois disso, o clube só poderia contratar novamente no meio do ano. "Até o dia 7 de março vamos fazer mais alguma tentativa de qualificação do elenco. A gente confia no Tite, na comissão, no grupo de atletas que está desempenhando e dando resultado. Precisamos fazer um esforço para qualificar o elenco", disse o diretor Bruno Spindel.

O Campeonato Carioca tem inscrição até o dia 28 de fevereiro. O Flamengo corre contra o tempo para ter o máximo de reforços à disposição até lá.

Dirigentes e comissão fazem reuniões semanais sobre análises do elenco. Apesar do pedido por um ponta no começo da janela, o clube prioriza outros setores neste momento mesmo com a perda de Luiz Henrique para o Botafogo. O Fla entendeu que a falta de equilíbrio foi um dos fatores que pesaram na última temporada. Sem reposições para alguns setores, como o meio-campo, a equipe viu o nível cair em fases decisivas.

A gente precisa de elenco para a temporada, são muitos jogos. Confiamos muito no elenco, mas tudo que pudemos fazer para subir o nível, vamos fazer e o Leo seria nessa linha Bruno Spindel

O Flamengo sabe que o cenário atual não é o ideal. O clube queria ter entregue os reforços para Tite antes até do começo da temporada, mas as negociações foram muito mais complicadas do que o esperado.

Ainda há uma saída para ser concluída, a de Thiago Maia. O jogador segue sem ser relacionado e aguarda o desfecho com o Internacional. O principal dificultador nessa conversa é o Lille, que detém 50% dos direitos. O Fla tenta fazer o clube francês receber menos da quantia total.

O Flamengo mantém o discurso sobre respeitar o orçamento e entende que não pode buscar vários jogadores pensando nos prováveis desfalques. Isso porque no restante do ano esses atletas teriam menos minutos, causando insatisfação dentro do grupo. Marcos Braz frisou que o clube não é "seleção brasileira".

A principal luta do Flamengo agora é pelo calendário. O clube observa o mercado, mas lidera a busca por alternativas de mudança nos jogos. Se perder muitos atletas, o Fla admite usar o sub-20 para completar as partidas do Brasileirão.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Esportes

+ Esportes