COI altera horários da final do futebol feminino e decisão do bronze do masculino

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

05/08/2021 10h37 — em Esportes

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Comitê Olímpico Internacional, a Fifa e o Comitê Organizador Local dos Jogos de Tóquio anunciaram nesta quinta-feira (5) que haverá mudança nos horários de partidas do futebol masculino e feminino.

De acordo com o comunicado publicado no site oficial da competição, o objetivo da mudança é garantir "as melhores condições possíveis para as jogadoras" por causa das condições climáticas da capital japonesa, que vive onda de calor durante os Jogos. Os jogos afetados foram a final do feminino e, para evitar conflito de horário, a disputa do bronze masculino.

Com isso, a decisão da medalha de ouro do futebol feminino entre Suécia e Canadá será realizada às 21h da sexta-feira (6), horário de Tóquio, ao invés das 11h da manhã. No horário de Brasília, o jogo mudou das 23h de quinta para as 9h de sexta. A partida também mudou de lugar: será realizada no Estádio Internacional de Yokohama, ao invés do Estádio Olímpico de Tóquio, como foi previsto inicialmente.

Por causa da alteração no futebol feminino, o jogo entre México e Japão, que decidirá o bronze do futebol masculino, também sofreu mudanças. A partida, que será realizada em Saitama, foi adiantada das 20h para as 18h de sexta, no horário japonês. Em horário de Brasília, o duelo terá início às 6h, ao invés das 8h do mesmo dia.

Desde o primeiro dia, os atletas que competem nos Jogos Olímpicos no Japão têm se queixado do calor. É comum ver competidores usando coletes de gelo para se refrescarem nos intervalos de competições, principalmente ao ar livre. Em locais como o Ariake Sports Urban Park, que sediou os torneios de skate, a sensação térmica chegou a quase 40º C.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Esportes